Política

Quatro homens são presos por violência doméstica durante o fim de semana na Nova Alta Paulista

Casos foram registrados pela Polícia Militar em Dracena, Junqueirópolis, Lucélia e Tupi Paulista. Um dos suspeitos tentou esfaquear a própria mãe, mas foi impedido por um irmão.

A Polícia Militar registrou quatro casos de violência contra mulheres neste fim de semana na Nova Alta Paulista. Quatro homens foram presos. As ocorrências foram em Dracena, Junqueirópolis, Lucélia e Tupi Paulista.

Dracena

Na noite de sábado (1º) a PM foi acionada para comparecer ao Jardim Brasilândia e ao chegar no local constatou que um homem, de 35 anos, foi até a casa da vítima, de 32, para tentar reatar o casamento.

Durante uma discussão, o suspeito desferiu um tapa no rosto da vítima e quebrou alguns eletrodomésticos. A vítima, ao tentar ligar para a polícia, foi impedida pelo suspeito.

Nesse momento, o homem saiu da casa para não ser preso, pois não poderia se aproximar da vítima em virtude de uma medida protetiva.

Os policiais realizaram patrulhamento e localizaram o homem no cruzamento das ruas Fagundes Varela e Maria Firmino de Souza, próximo da casa da vítima.

Ele recebeu voz de prisão em flagrante pela lei Maria da Penha (agressão) e por descumprimento de medida protetiva e permaneceu preso à disposição da Justiça.

Junqueirópolis

Um homem de 44 anos foi preso na noite de sábado (1º) após tentar esfaquear a própria mãe, em Junqueirópolis.

A Polícia Militar foi acionada para comparecer em uma residência no Bairro Alto da Estação, onde um dos filhos da vítima informou que seu irmão de 44 anos tentou dar um golpe de faca na sua mãe de 69 anos.

O suspeito tomou a faca de seu irmão e impediu a agressão.

A vítima informou que o filho já tinha batido nela em outras vezes e, neste sábado (1º), estava bêbado e foi em sua direção com a faca tentando matá-la, mas foi impedido pelo seu outro filho.

O suspeito foi localizado dentro de um quarto da residência deitado no chão. Ele recebeu voz de prisão com base na Lei Maria da Penha e ficou à disposição da Justiça.

A PM apreendeu a faca usada pelo suspeito, que possuía lâmina de 17 centímetros.

Lucélia

A PM foi solicitada para uma ocorrência na Vila Cayres, onde se deparou com um homem de 38 anos bastante agressivo e com claros sinais de embriaguez, na noite deste domingo (2).

A vítima estava com escoriações no braço direito e perna esquerda, além de reclamar de forte dor na cabeça causada pela agressão sofrida, segundo a polícia.

Diante dos fatos, o suspeito foi preso flagrante.

Tupi Paulista

Na noite deste domingo (2), a Polícia Militar atendeu uma ocorrência de violência doméstica no Jardim Itália e, ao se aproximar do local, viu o suspeito de 37 anos tentando fugir após desobedecer a ordem de parada e resistir a abordagem policial.

A vítima, de 43 anos, apresentava lesões no braço e perna esquerdo.

Questionada, a vítima alegou que estava em um bar, quando seu ex-marido chegou, a agrediu e a arrastou pelos cabelos para fora do estabelecimento dando socos em sua cabeça.

Nesse momento, o suspeito retirou das costas uma faca e tentou golpear a ex-mulher. No ato de se defender, a vítima sofreu um corte no braço esquerdo e conseguiu tomar a faca do suspeito.

Porém, um amigo do suspeito pegou a faca das mãos da mulher e fugiu do local, levando o objeto.

A vítima ainda disse que seu ex-companheiro quebrou seu celular e o jogou no mato. O suspeito continuou agredindo a vítima e a arrastou pelo chão, puxando-a pelos cabelos e levando a mesma até a casa de sua mãe, conforme a PM.

O homem foi preso e permaneceu à disposição da Justiça.

Fonte: G1 Presidente Prudente

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios