Polícia

Moradoras de Adamantina são vítimas de violência doméstica no final de semana

De acordo com a polícia, uma mulher foi ameaçada de morte pelo ex-marido e a outra foi intimidada com uma faca pelo esposo.

A Polícia Militar registrou neste final de semana duas ocorrências de violência contra a mulher em Adamantina.

Neste domingo (17), no Conjunto Palmeira, uma mulher de 52 anos informou que chegou pela manhã em sua casa e viu seu ex-marido, de 53 anos, no local. Ela informou que tem medida protetiva de não aproximação e que o homem estava deitado em sua cama e a ameaçou dizendo que a mataria. A polícia foi até o local e encontrou o homem ainda dentro da residência. Ele foi preso em flagrante e permanece à disposição da Justiça por descumprir decisão judicial de medida protetiva de urgência.

A outra ocorrência foi no sábado (16), no Centro. Ainda de acordo com a PM, a vítima, de 58 anos, relatou que o marido, também de 58 anos, pegou uma faca. Ele segurou a mulher pelos cabelos e ameaçou esfaqueá-la. A polícia informou que um homem que passava em frente a casa viu a situação e gritou para que o agressor soltasse a vítima.

Nesse momento, a mulher conseguiu se soltar do marido e correu para a rua. O homem foi localizado na residência do casal e durante busca pessoal “ficou agressivo”. A faca usada para ameaçar a vítima foi encontrada dentro da gaveta de um armário.

O agressor foi preso em flagrante por crime de ameaça. Na Delegacia de Polícia Civil foi estipulada fiança de R$ 1.200, que não foi paga. Ele permanece à disposição da Justiça.

Morte

Em Panorama, uma mulher de 32 anos morreu após ser agredida pelo próprio marido. Ela foi morta à pauladas no bairro Marrecas. O corpo da vítima foi encontrado com ferimentos no rosto e na cabeça. Conforme a Polícia Civil, o agressor utilizou um cabo de machado para golpear a esposa.

Fonte: G1 Presidente Prudente

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios